Pesquisando defeitos em telas LCD de notebook



Os defeitos originados na tela LCD do notebook podem ser os mais comuns, Já que é a parte mais articulada do notebook e o uso constante geral vários defeitos.

A maioria dos defeitos pode ser atribuída ao FL Invest ( também conhecido como LCD inverte, inverter board, screen inverter ou backlight inverter), que é a placa responsável pela alimentação da lâmpada do LCD.

Caso você queira começar a pesquisa e detectação de defeitos no LCD, e bem simples.

É de suma importância, termos em mãos os manuais de serviço do modelo e marca de notebook que estamos trabalhando.

Assim teremos um guia passo-a-passo de como exatamente montar/desmontar o notebook e também o LCD.


O manual de serviço nos dá as exatas posições dos parafusos e presilhas, além de nos mostrar o esquema de montagem.




Vamos começar a pesquisa e detectação de defeitos no LCD.

Cada modelo de LCD precisa de uma grande quantidade de componentes eletrônicos em um circuito específico para que todas as suas funcionalidades sejam executadas de maneira correta.

Para tanto, é necessário que entendamos como LCD ativado e comandado por estes circuitos eletrônicos.

Os principais setores do LCD são:


  • Micro-processador (que executa as funções e exibe a imagem da tela);
  • Controle do sistema LCD (que controla o funcionamento do LCD);
  • Memória de vídeo ( que armazena os dados da imagem a ser exibida);
  • Tensão de alimentação da iluminação CFL, ou Compact Fluorescent Lamp - lâmpada fluorescente compacta (que alimenta a lâmpada do monitor);
  • CI tem comando da tela ( que executa os comandos do menu da tela);
  • Controles de contraste e brilho ( controles da exibição da imagem);
  • Tela de cristal líquido (local de exibição da imagem).


Aula 6 - TOP 6 - Defeito em NoteBooks



Problemas na apresentação de imagens é o principal defeito do monitor LCD

O professor, especialista em manutenção de equipamentos de informática, explica que ao verificar que o monitor não está ligando, nem acendendo nenhum de seus LED’s deve-se, primeiramente, checar a tensão externa que o alimenta, tendo o auxílio de um multímetro. 

Caso a tensão da fonte externa esteja normal, o próximo passo será abrir o monitor para realizar o diagnóstico dos componentes das placas eletrônicas.

Outro defeito muito comum em monitores de vídeo LCD pode ser identificado pelo sintoma de ligar o monitor no botão do painel de controle, acender o LED, como se estivesse tudo normal, mas a imagem não aparecer. 

Isso pode ser provocado por um impedimento na formação da imagem na placa processadora de vídeo ou por algum defeito na iluminação do painel LCD. 

Marcos Jerônimo, diz que “para começar o diagnóstico desse problema, o técnico deve certificar-se de que a fonte de alimentação externa está em bom funcionamento e ligar o monitor à rede elétrica”.

Falhas como a imagem aparecer, mas apagar em seguida, vermelhidão em uma parte do monitor, tela toda branca sem imagem, linhas verticais e horizontais e pontos mortos, são outros problemas que o profissional pode diagnosticar. 

É necessário ressaltar que existem diversos modelos no mercado, mas os indícios dos defeitos e as suas causas não mudam. 

A diferença está nos componentes utilizados, e para suprir esse conhecimento o técnico pode realizar uma pesquisa na internet e se manter atualizado.

Por: Ariádine Morgan





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Trending